O jeans vem sendo considerado a peça mais universal e indispensável no guarda roupa. Neste contexto a sua referência com o rock e música caminham juntas. 

O hit serve para pop punk, rock e até o indie lançaram tendências. Além disso, diversos ícones fashions como, David Bowie, Madonna mostram a presença da peça neste meio. 

Na realidade o tecido tem muito a ver com o cenário musical. Antes já era usado por e mineradores, ferroviários e trabalhadores rurais. Aos poucos devido a sua resistência os jovens dos anos 50 usavam para firmar sua rebeldia e liberdade. 

Em exemplos, e, os O Jovem Selvagem (1953) e Juventude Transviada (1955) com James Dean, o jeans era associado ao “Young and Free” (jovem e livre). 

Para entender como o a peça carrega sua história com o rock, veja alguns ícones de gerações que aderiram ao estilo. 

O jeans na história do Rock

Jeans + Rockabilly 

Neste mesmo período Elvis Presley usa uma calça de brim e inicia a história do rock + jeans. O destaque neste estilo era que a calça vinha com a banha virada para fora para facilitar o movimento. 

Outra referência do cantor era usar o jeans reto com lavagem escura. Além disso, além dele outros astros como James Dean e Marlon Brando também seguiam este estilo. 

Jeans + mundo hippie 

O movimento hippie teve uma forte influência na hora de vestir o jeans. Nesta ocasião as peças eram confortáveis e tinha muito movimento. Naquela época o movimento shape flare estava presente em diversos astros como Janis Joplin e Jimi Hendrix. 

Jeans + glam rock 

O glam rock também foi marcado pelo denim. Entre os famosos Elton John usava mais brilho e originalidade no seu visual. Ao usar a peça todas vinham diferentes com efeitos, bordados, tachas e paetês. 

Jeans+ punk 

O Sid Vicious, baixista da banda punk-rock Sex Pistols, fazia história ao usar o jeans preto com camisas e jaquetas. 

Jeans + indie 

Levando o jeans para o meio indie a banda The Smiths usavam o tecido mais justo. O detalhe fica para as barras dobadas com peças neutras. 

Jeans+ grunge 

No período dos anos 90 o grunge veio com tudo e conquistou a geração. Quem se destacou na época era o Kurt Cobain, vocalista do Nirvana. No período o cantor vivia com jeans destroyed + t-shirt. 

Levando as considerações acima, vimos como nada mais justo do que no Dia Mundial do Rock, tirar o jeans do armário. Na realidade o sucesso da peça remete a estilo e personalidade assim como grandes nomes do rock. 

Passando por diversas gerações o denim se mantém em alta e sempre em alerta as novas tendências e estilos. E você já preparou o seu visual para o dia? Não tenha dúvidas, pegue sua calça jeans e vá comemorar a data ouvindo um bom rock and roll. 

Comentário

Comentários