Menu

Olá,

O jeans feminino aparece com muitas opções de modelagens e estilos diferentes, o que faz dele a peça must have no guarda roupa de qualquer mulher. Seja qual for a ocasião, o denim é uma aposta certeira para conseguir um visual super estiloso, confortável e prático. 

Hoje vamos falar do queridinho denim destroyed, vamos falar quando surgiu essa super tendência e como ele conseguiu entrar no universo fashion. Confira! 

Você sabe quando surgiu o jeans destroyed? 

  

calca-jeans-destroyed
Fonte: Consciência Jeans

Quem diria que o jeans destroyed surgiu lá na década de 70, foi nesta época que essa tendência bombou e se tornou um ícone de personalidade e estilo. O jeans destroyed nos anos 70 influenciou os jovens da época e trazia modelos rebeldes e super descolados. 

Essa tendência perdurou até os anos 80 e foi aí que as grifes poderosas Dolce e Gabbana e Michael Kors decidiram investir mais e apresentar para o público jovem, um jeans estiloso e de cara nova. O sucesso foi imenso, desde então surgiram shorts e saias com lavagem destroyed

Nesta época o jeans destroyed era usado como forma de protesto contra os padrões impostos pela sociedade, astros do rock também entraram nessa tendência e apareciam com jaquetas jeans rasgadas e calças jeans detonadas.

Logo essa tendência “agressiva” sumiu e foi em torno dos anos 2.000 que ela voltou novamente ainda mais agressiva, porém voltou repaginada e aparecia com modelagens diferentes e até calças jeans com puídos mais discretos para as pessoas mais conservadoras. 

Aqui quem disse que nunca iria usar este tipo de jeans, começou a incrementar os leves puídos e a criar looks super estilosos com a peça. E foi a vez das celebridades apostarem com força nesta tendência. 

E mais uma vez o jeans destroyed foi esquecido. Então foi em 2015, nas passarelas mais cobiçadas do mundo que surgiu a peça mais amada das fashionistas, a calça jeans boyfriend com lavagem destroyed.  

A tendência bombou e está no topo até hoje, a partir deste sucesso, as indústrias denim lançaram no mercado vários modelos com vários tipos de destroyed. Você pode encontrar calça jeans flare, skinny, reta e boyfriend com lavagem destroyed. E a intensidade da lavagem também varia desde as mais detonadas com todo o joelho à mostra, até as mais comportadas e discretas. 

É uma aposta certa no cenário da moda, quando o assunto é estilo, autenticidade e personalidade. Então corre que ainda dá tempo de escolher seu denim destroyed e arrasar nas produções! 

Você encontra jeans destroyed na loja Consciência Jeans. Visite a Loja de Jeans no Brás na Rua Mendes Junior, 395 em São Paulo ou encontre um revendedor na sua cidade, veja aqui os locais.

Olá,

O vai e vem da moda nunca terá fim e agora quem voltou foi o queridinho das celebs, o jeans destroyed. Mas você sabe como combinar? Sabe como surgiu essa ideia de jeans largadão?

É o que vamos te contar aqui e se engana quem pensa que jeans destroyed é somente para quem é adepto ao estilo punk ou rocker. Acompanhe e aprenda como criar um look com jeans destroyed de arrasar!

Mas afinal, o que é esse tal de jeans destroyed? e como ele surgiu?

Destroyed vem do inglês que significa basicamente destruído ou desgastado, é, portanto, uma calça jeans toda destruída. O jeans destroyed surgiu lá na década de 80, as grifes que apostaram e lançaram essa moda foram a Dolce e Gabbana e Michael Kors, que decidiram dar ao básico e clássico jeans uma cara mais jovem com uma pegada punk rock da época.

Esse jeans rebelde virou a sensação do momento entre homens e mulheres, a calça jeans destroyed voltou a dar as caras novamente lá no final dos anos 90, e agora chegou com força total nas passarelas e com as fashionista do munda da moda.

calca-jeans
Fonte: Consciência Jeans

Como usar e criar um look incrível com jeans destroyed?

Agora o jeans destroyed é um estilo que fica muito bem em qualquer ocasião, qualquer formato de corpo e combina com quase todas as peças da parte de cima. Vamos conhecer algumas dicas para você se inspirar:

1 – Look casual day com jeans destroyed

O look casual day é o preferido do street style, despojado e superestiloso garante conforto para qualquer ocasião do dia.

  • Combine a calça jeans destroyed com t-shirts e regatas, a dica aqui é dar preferência para as mais básicas e de cores mais neutras, para deixar a atenção toda voltada para a calça jeans;
  • A calça jeans destroyed fica muito bem com peças de tricot, já que estamos quase perto do inverno, você pode deixar seus casaquinhos de tricot já a espera para fazer esta linda combinação;
  • E nos pés invista nas sapatilhas, mocassins, oxford e por que não apostar em um sneaker como as cebs estão usando?!

2 –  Look com jeans destroyed + glam rock

Já que podemos tudo, então vamos apostar na pegada rock n’ roll lá dos anos 80 onde essa moda destroyed surgiu de fato. Veja:

  • Você pode apostar na combinação jeans destroyed e t-shirt ou regata estampada de uma banda,  para finalizar um visual cheio de estilo;
  • O couro e o preto podem reinar nas combinações rockers, então combine com uma jaquetinha curtinha de couro com detalhes em prata, correntes e pingentes;
  • E nos pés, você deverá finalizar com um belo coturno, abusar de saltos ou também se preferir os flats.

3 – Look jeans destroyed chic

E se você não quer perder a pose e quer apostar no look destroyed para a noite com um estilo mais elegante, saiba que também é possível sim arrasar na escolha, olha só:

  • Aproveite nessa meia estação e invista nas blusas com manguinha 3/4, prefira brilhos, tricot, blazers e casaquinhos mais curtos;
  • Os acessórios aqui farão toda a diferença, aposte nos lenços, colares, bolsas e óculos de sol;

Agora, com estas super dicas em mãos, você já deve saber que a calça jeans destroyed é o must have do momento. Guarde todas essas dicas e se gostou do conteúdo não deixe de compartilhar com as amigas, combinado?

Você encontra jeans destroyed na loja Consciência Jeans. Visite a Loja de Jeans no Brás na Rua Mendes Junior, 395 ou na Rua Xavantes, 173 em São Paulo ou encontre um revendedor na sua cidade, veja aqui os locais.